Lei do Mínimo

Segundo a lei do mínimo, a falta de um elemento (nutriente) essencial para o desenvolvimento da planta, seja ele macro (N, P, K, Mg, Ca, S) ou micro (Mn, Zn, Fe, Cu, B, Mo) nutriente é capaz de limitar o desenvolvimento e/ou produção da planta.

Por exemplo, não adianta encher o solo de Fósforo e não completar as reservas de Ferro, pois tanto um como outro são necessários para um bom desenvolvimento da planta. A análise de solo é uma ferramenta utilizada para evitar esse problema, nela estão presentes todas as características do solo e a partir delas e do conhecimento das exigências da cultura a ser cultivada, é possível suprir as reservas do solo para garantir o crescimento e multiplicação da planta.

Em caso de cultivo de culturas perenes é recomendável fazer a análise do solo pelo menos de 2 em 2 anos, para observar se o solo necessita ou não de reposição de algum nutriente. Caso seja necessário repor algum nutriente, uma adubação de cobertura será necessária, podendo ser feita de uma única vez ou dividida em duas parcelas, com intervalo que pode variar de semanas a meses.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Postagens do Blog

agosto 2010
D S T Q Q S S
    set »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Mais Avaliados

%d blogueiros gostam disto: