Como Montar um Jardim Parte 2

Feito o planejamento, preparo do terreno e escolha das plantas que constituirão o jardim, é hora de montá-lo. Comece plantando as mudas de árvores, são as plantas que possuirão maior porte no jardim, ultrapassando os 5 metros de altura. Elas geralmente não aparecem em grandes quantidades em jardins domésticos, pois ocupam muito espaço. Devem ser tutoradas desde o momento do plantio, com o auxílio de uma varinha de madeira ou uma barra de ferro, isso fará com que a muda não tombe e cresça retilínea.

Após plantar as árvores, plantamos os arbustos, que são as plantas de porte médio. Eles são usados para fazer cercas vivas, maciços no meio do jardim, formas geométricas, etc. Não há necessidade de tutorar os arbustos, devido o fato de possuírem porte menor e dificilmente tombarem.

Por últimos, planta-se as mudas de porte pequeno. Geralmente são plantas frágeis e delicadas, por isso tome cuidado ao manuseá-las.

A grama deve ser plantada por último, fazendo os recortes necessários e tomando cuidado para deixar o gramado o mais homogêneo possível, livre de elevações e depressões.

Um jardim precisa de cuidados periódicos, podas, erradicação de ervas daninhas, controle de pragas (principalmente formigas), adubação, etc. Procure informações sobre o assunto em livros, internet ou com um profissional da área.

As podas devem ser realizadas por uma pessoa capacitada, caso contrário podem causar danos irreversíveis à planta, o que comprometeria a estética do jardim.

Dicas úteis:

– Nunca molhe demais as plantas, principalmente se o solo for do tipo argiloso. As raízes das plantas precisão respirar e se o solo estiver encharcado isso não é possível. Nesses casos as plantas ficam com folhagem amarelada e podem morrer. Tome cuidado para não molhar pouco também, verifique a umidade ta terra periodicamente com a mão, se notar que está úmida, não molhe;

– Retire os galhos secos ou doentes das plantas, além de melhorar a estética isso ajuda a prevenir o alastramento de doenças;

– Mantenha as ferramentas de poda sempre bem amoladas, isso evita danos aos caules das plantas no ato da poda;

– Não plante mudas provindas de lugares desconhecidos, elas podem trazer doenças e/ou pragas para seu jardim;

– Evite regar as plantas nas horas quentes do dia;

– Utilize covas nas dimensões 50 x 50 x 50 cm para mudar de árvores, covas de 40 x 40 x 40 cm ou 30 x 30 x 30 cm para arbustos. Plantas de pequeno porte podem ser cultivadas em vasos ou no solo, caso seja no solo, utilize covas de 30 x 30 x 30 cm, 20 x 20 x 20 cm ou 10 x 10 x 10 cm, dependendo do tamanho da planta.

4 Comentários (+adicionar seu?)

  1. ❤ Liliane Castro ❤
    dez 06, 2010 @ 14:34:46

    Olá, adorei o blog, os assuntos abordados!
    Abraços e muita paz, Liliane.🙂

    Responder

  2. jackson
    set 08, 2012 @ 16:32:08

    gostei muito

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Postagens do Blog

outubro 2010
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Mais Avaliados

%d blogueiros gostam disto: