Cama Para Codornas

Olá amigos, neste post irei falar um pouco sobre os principais tipos de camas utilizadas na criação de codornas em casa, como bichinhos de estimação ou robe, mas que também são utilizados em grandes criações. Os materiais mais utilizados são:

– Areia: A areia deve ser utilizada com o mínimo de umidade possível, caso contrário pode ser uma porta de entrada para doenças nas aves. As codornas ingerem pequenas quantidades da mesma, isto é um ato natural das aves, pois a areia ajuda na digestão dos alimentos no intestino delas, além disso, absorve bem as fezes, que acabam sendo encobertas quando as codornas ciscam.

A areia apresenta algumas desvantagens como o preço alto e resfriamento em dias frios. Uma cama de areia deve ser trocada pelo menos duas vezes ao mês de acordo com a quantidade de aves por metro quadrado, para manter o ambiente higienizado e livre de mau cheiro e moscas. É um material difícil de descartar, uma vez que possui densidade e volume altos e não pode ser jogado em qualquer lugar nas áreas urbanas.

Em dias frios a areia tende a perder temperatura, isto é potencialmente prejudicial às aves pois elas ficam em contato direto com a mesma e podem morrer de frio.

Em fim, pode ser utilizada como cama, no entanto se formos analisar os prós e os contras a areia se mostra incapaz de atender as demandas da criação.

– Pó de serra: Material derivado da madeira, facilmente encontrado em serralherias (madeira em pó). Não é muito utilizado, por ser um pó prejudica o sistema respiratório das aves trazendo enfermidades a elas, além disso, não suporta umidade, fica com mau cheiro em pouco tempo e é de difícil eliminação em áreas urbanas.

O pó de serra já foi muito utilizado em camas para frango de corte, mas foi abolido da função quando se descobriu que prejudicava as aves e consequentemente a produção.

– Serragem ou Maravalha: Material derivado da madeira se difere do pó de serra por ser formado por pequenas lascas e não de pó. Encontrado em serralherias, possui preço razoável. É utilizado atualmente em criações de frango de corte e de codornas em galpões.

A maravalha possui boa capacidade de absorção de umidade, é macia, não oferece riscos de saúde aos animais e retém a temperatura em dias frios, diferente da areia que se mantém fria podendo até matar os animais. O seu volume pode ser reduzido quando comprimida e serve como adubo quando retirada do galpão ou gaiola.

Em propriedades rurais a cama velha pode ser utilizada como matéria prima para montagem de compostos orgânicos, adubo rico em minerais que pode ser utilizado na propriedade para adubação de fruteiras, plantas, lavouras, etc.

É um material que possui alta durabilidade, pode ficar mais de um mês sem ser trocado e por ser leve pode ser removida sem muito esforço e com ferramentas rústicas.

Aconselho a utilização da maravalha em criações domésticas, quando criava codornas utilizava este material como cama para elas e os resultados eram satisfatórios.

– Palha de arroz: É um material que vem ganhando espaço no mercado, possui quase todas as características da maravalha, se diferindo principalmente pela forma física. A principal desvantagem é a aquisição do material, a palha de arroz não é encontrada em qualquer lugar e possui preço mais alto que a serragem, no entanto é mais confortável para as aves.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Postagens do Blog

janeiro 2011
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Mais Avaliados

%d blogueiros gostam disto: