Defensivos alternativos para combate de pragas

Saudações caros leitores!

Diante do grande número de solicitações de uma matéria sobre defensivos alternativos, decidi reunir um material de qualidade para atender aos pedidos. A seguir descreverei o preparo de alguns inseticidas alternativos desenvolvidos pela EMBRAPA.

– Formiga Saúva

Barreira: Construção de canais de terra ou canaletas de cimento ao redor da área. Nas canaletas, adicionar água com algumas gotas de detergente neutro. Não é um método viável para grandes áreas, sendo mais recomendado para hortas.

Planta repelente: Plantio permanente de batata ao redor da área ou entre os canteiros, no caso de hortas. O látex da batateira possui efeito repelente sobre o inseto.

Planta com ação inseticida: Gergelim. Embora as formigas a ataquem, essa planta possui certa ação negativa sobre elas e acaba ocasionando a redução do vigor do formigueiro.

Cinzas: As cinzas de madeira possuem efeito repelente sobre as saúvas. Ela deve ser peneirada, misturada com água e aplicada sobre as plantas ao fim da tarde.

– Insetos sugadores (pulgões, mosca branca, percevejo, cigarrinha, cochonilha e tripes)

Armadilhas adesivas: Em diferentes pontos da horta, instalar armadilhas feitas com placas ou garrafas plásticas descartáveis do tipo “pet” e de pedaços de tábuas pintadas de amarelo para atração de pulgões e moscas-brancas ou pintadas de azul para atração de tripes. As armadilhas devem ser revestidas com uma camada de cola ou graxa para retenção dos insetos.

Plantas repelentes: Cultivar em volta da horta ou dentro do canteiro, em fileiras ou em covas alternadas, coentro (Coriandrum sativum), tagetes ou cravo-de-defunto (Tagetes sp.), hortelã (Mentha spp.), calêndula (Calendula officinalis), mastruz (Chenopodium ambrosioides), artemisia (Artemisia sp.) e arruda (Ruta graveolens). Estas plantas liberam substâncias voláteis que repelem os insetos sugadores adultos, mantendo-os afastados das hortaliças.

Calda de farinha de trigo e água: Quando pulverizada sobre as plantas mata os insetos por asfixia. Com o passar do tempo a calda seca ao sol, formando uma camada branca de pó que cobrirá os insetos e pela ação do vento esta película é gradativamente removida das folhas.

Inseticidas alternativos: Pulverização de extrato de pimenta, alho e sabão neutro; uso de óleo vegetal de soja ou algodão para cozinha, misturado em água e sabão dissolvido ou detergente neutro; pulverização de preparações caseiras de folhas e de sementes de Neem (Azadirachta indica). Também existem vários produtos comerciais à base de óleo de sementes de Neem e, neste caso, deve-se consultar um Engenheiro Agrônomo.

– Lagartas

Inseticida biológico: Produtos comerciais à base da bactéria Bacillus thuringiensis, que tem ação exclusiva sobre lagartas. Este inseticida ao ser ingerido pelas lagartas, juntamente com as folhas, causa doença e morte do inseto. Esta bactéria não é prejudicial nem ao homem e nem aos animais. No mercado brasileiro existem vários produtos comerciais contendo este agente de controle biológico e deve-se consultar um Engenheiro Agrônomo para recomendação da dosagem certa a ser aplicada.

– Vaquinhas

Plantas repelentes: Cultivo de coentro, hortelã e arruda.

Inseticidas alternativos: Preparações caseiras ou produtos comerciais à base de Neem, conforme recomendado para os insetos sugadores.

RECEITAS DE CALDAS

Calda de farinha de trigo

Preparo:

  1. Colocar 20 g de farinha de trigo, aos poucos e lentamente em recipiente com 1 L de água e agitar fortemente até a completa mistura da farinha;
  2. Coar a calda para uso;

Extrato de pimenta-do-reino, alho e sabão

Ingredientes:

– 100 g de pimenta do reino moída;

– 100 g de alho;

– 50 g de sabão neutro;

– 2 L de álcool;

– 2 L de água.

Preparo:

– Colocar 100 g de pimenta do reino moída e 1 L de álcool em recipiente de vidro com tampa. Deixar em repouso por 7 dias;

– Triturar 100 g de alho, misturar em 1 L de álcool e colocar em recipiente de vidro com tampa. Deixar em repouso durante 7 dias;

– Dissolver 50 g de sabão neutro em 1 L de água quente, no dia em que for usar a calda;

– No dia em que a calda for aplicada nas plantas, deve-se coar os extratos e depois colocar 20 ml do extrato de pimenta do reino, 10 ml do extrato de alho e 100 ml da solução de sabão neutro em um pulverizador, completando o volume com água para 1 L. É necessário coar os ingredientes para evitar entupimento do bico do pulverizador.

Caldas com folhas e sementes de Neem (Azadirachta indica)

  • Extrato de folhas verdes a 20% de concentração

Ingredientes:

– 200 g de folhas e ramos finos verdes picados;

– 1 L de água;

Preparo:

– Picar ou triturar as folhas e ramos verdes em liquidificador e em seguida colocar o material triturado em um tambor com -capacidade para 10 L de água;

– Deixar essa mistura em repouso por 12 h, tendo o cuidado de mexer duas a três vezes durante esse período;

– Após o período de repouso, deve-se coar o extrato e utilizar imediatamente.

  • Extrato de folhas secas (pó)

Ingredientes:

– 40 g de folhas secas, moídas;

– 1 L de água.

Preparo:

– Secar as folhas à sombra ou em estufa secadora (à 40º C durante 3 dias) e triturá-las em moinho ou em pilão;

– Adicionar 40 g do pó em 1 L de água e deixar em repouso por 24 horas;

– Coar o extrato para uso.

  • Extrato de sementes

Ingredientes:

– 50 g de sementes secas, sem casca ou 75 g de sementes com casca;

– 1 ml de detergente neutro ou 100 ml de solução de sabão neutro;

– 1 L de água.

Preparo:

– Triturar as sementes em liquidificador ou moedor, colocar o material triturado num recipiente com 1 L de água e deixar em repouso por 12 horas com o cuidado de mexer duas a três vezes;

– No momento do uso deve-se coar o extrato em tecido fino de algodão (para evitar o entupimento do bico do pulverizador) e adicionar 1 ml de detergente neutro ou solução de sabão neutro (ver extrato de pimenta-do-reino, alho e sabão).

  • Óleo bruto extraídos de sementes

Ingredientes:

– 50 g de sementes secas, sem casca;

– 1 ml de detergente neutro ou 100 ml de solução de sabão neutro;

– 1 L de água.

Preparo:

– Esmagar as sementes em prensa hidráulica, moedor de café ou pilão, transferindo-se o óleo extraído para um recipiente escuro, com um pincel (1 kg de sementes secas rende 150-200 ml de óleo bruto). Armazenar o óleo até 30 dias da extração, na geladeira;

– No dia em que a calda for aplicada sobre as plantas, deve-se misturar 5 ml do óleo de sementes e 1 ml de detergente neutro, completando-se o volume com água para 1 L de calda;

– Agitar a suspensão para uso.

RECOMENDAÇÕES PARA APLICAÇÃO

– Utilizar os defensivos imediatamente após a mistura com a água;

– Aplicar o produto em ambas as faces das folhas, priorizando frutos jovens, brotações;

– Aplicar o produto nas horas mais amenas do dia (manhã ou tarde), de preferência sem ventos fortes e/ou previsão de chuva;

– Sempre que necessário, repetir as aplicações;

– Suspender o uso dos defensivos 96 horas antes do consumo, a fim de eliminar os efeitos organolépticos residuais dos defensivos.

REFERÊNCIAS

Todo o conteúdo deste post foi extraído de literatura desenvolvida pela EMBRAPA. O material original pode ser acessado aqui.

Mais informações acerca do assunto podem ser encontradas no site da EMBRAPA.

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. Diná Carlos
    set 22, 2015 @ 12:13:42

    Bom dia!!! como acabar com uma planta que e chamada de unha-de-gato? e uma planta de acaba matando as arvores, já cortei duas arvores!! o que fazer?

    Diná Carlos

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Postagens do Blog

setembro 2015
D S T Q Q S S
« jul   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Mais Avaliados

%d blogueiros gostam disto: