O profissional das ciências agrárias

WP_20150811_005Boa tarde caros leitores!

Hoje venho expor meu pensamento sobre a forma como nós, profissionais das áreas agrárias, somos vistos pela maioria dos nossos amigos, familiares, clientes. É uma situação embaraçosa pois, na maioria das vezes, quem nos dirige uma simples pergunta não o faz com más intenções, mas por falta de conhecimento sobre o assunto e  apenas busca uma resposta para sua dúvida.

Mais

Anúncios

Comprando uma fazenda

Boa tarde galera, neste post irei falar um pouco sobre as primeiras decisões a serem tomadas no ato de compra de uma propriedade rural, ou um “pedacinho” de terra.

De acordo com o tamanho da terra, o grau de simplicidade e facilidade de se tomar as decisões crescem ou diminuem, por exemplo, para planejar o que será cultivado ou criado em um sítio de 10 hectares são necessários no máximo 7 dias, por outro lado, para projetar uma terra de 2000 hectares será preciso muito mais tempo.

Antes de comprar a fazenda, o futuro proprietário deve fazer uma visita, para conhecer a terra e analisar se ela possui as características desejadas. Alguns dos principais pontos a serem observados são:

Mais

Custos Fixos e Variáveis na Agropecuária

Todas as despesas e gastos mensuráveis necessários para a produção agropecuária devem ser considerados na determinação do custo de produção.

A seguir, são relacionados os itens que compõem o custo de produção do gado de corte.

Mão-de-obra

Devem ser considerados os gastos com mão-de-obra contratada, encargos sociais, assistência (agronômica, contábil, veterinária, zootécnica), consultorias ocasionais, mão-de-obra eventual, mão-de-obra familiar, além de outras.

No caso da mão-de-obra familiar que trabalha na atividade e não recebe um salário, deve-se computar um valor correspondente ao de um trabalhador que desenvolveria a mesma função.

Mais

Como calcular a depreciação

O método mais simples de calcular a depreciação de um bem consiste na sua desvalorização, durante a sua vida útil, de forma constante. É o chamado método linear. A seguinte fórmula pode ser aplicada:

Onde:

Vi é o valor inicial do bem; ou seja, o valor pelo qual ele foi adquirido, ou até mesmo o seu valor atual.

Vf é valor final ou valor de sucata do bem; ou seja, ao término da vida útil, qual o seu valor? Tratando-se de uma máquina (trator, por exemplo), qual seria o valor pago pelo ferro velho? Esse valor, pago pelo ferro velho, seria o valor de sucata.

n é o número de períodos de vida útil estimada do bem. Caso tenha se considerado o valor atual, deverão ser considerado como vida útil os anos restantes (vida total menos anos já utilizados).

Mais

Entradas Mais Antigas Anteriores

Postagens do Blog

setembro 2017
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Mais Avaliados

%d blogueiros gostam disto: